Close

Feira de produtos típicos dá início à programação do Festival Ver-o-Peso da Cozinha Paraense

  • Home
  •  / 
  • Notícias
  •  / 
  • Feira de produtos típicos dá início à programação do Festival Ver-o-Peso da Cozinha Paraense

Feira de produtos típicos dá início à programação do Festival Ver-o-Peso da Cozinha Paraense

Com o intuito de aproximar consumidor e produtor, e criar a oportunidade para que um possa ouvir e conhecer o outro, para gerar resultados positivos, iniciou, nesta sexta-feira, 25, na Praça de Alimentação do Shopping Boulevard Belém, a “Feira do Produtor”, parte do 15º Festival Ver-o-Peso da Cozinha Paraense, que tem o apoio da Prefeitura de Belém.

A iniciativa proporciona ao público a compra de produtos diretamente das mãos de quem faz. São oito estandes com produtos que vão desde geléias à base de jambu até farofas funcionais de castanha. A Feira segue até o dia 03 de junho, no horário de funcionamento do shopping.

Para a empresária Samila Seki, dona da Samiseki, produtora de farofas gourmets tradicionais e funcionais, o evento é uma grande oportunidade para quem vende e para quem quer conhecer mais sobre os produtos da região que conquistaram o mundo. “Estamos criando uma identidade que é nossa, é a indústria alimentícia na Amazônia se fortalecendo, especialmente no momento em que ganhamos a repercussão de Cidade Criativa da Gastronomia. Estamos no boom da alimentação amazônica, com os melhores insumos do mundo. É realmente o momento de todos darem as mãos e se fortalecerem ainda mais”, ressaltou.

Os empresários que compõem a Feira do Produtor foram escolhidos com base na avaliação da qualidade, embalagem, potencial de venda, entre outros aspectos do seu negócio.

A comerciante Maria Santos, 73 anos, é de Belém, mas ainda não conhecia grande parte dos produtos que estão compondo a Feira. “A gente sabe que aqui e ali estão criando tanta coisa boa com os produtos da nossa região, como a cachaça de jambu, mas farofa de castanha ou semente, geléia de açaí, isso é muito novo, mas bom demais. Enquanto faço hora para entrar na sessão do cinema, vou aprendendo mais sobre cada item desses aqui”.

De acordo com Joanna Martins, diretora executiva do Instituto Paulo Martins, que promove o Ver-o-Peso da Cozinha Paraense, a expectativa para o Festival é a melhor possível, e é por meio da Feira do Produtor que as pessoas conhecem mais sobre os produtos. “Os consumidores adoram a oportunidade de conhecer, um pouco mais de perto, as histórias e os produtos dos empreendedores paraenses que apostam e acreditam na produção de alimentos com ingredientes amazônicos”.

Ainda de acordo com Joana, o apoio da Prefeitura para a realização do evento é muito importante. “Acredito que seja de suma importância ter a prefeitura junto num evento como o Festival Ver-o-Peso, que fomenta a geração de negócios e o desenvolvimento social a partir da gastronomia paraense. É muito importante que o setor público e o privado estejam alinhados, e isso temos visto acontecer constantemente na gastronomia, que reflete no incremento do turismo e no crescimento da importância do setor no mercado local e nacional”, completou.

E nesse contexto da expansão gastronômica, a capital paraense está se preparando para sediar o encontro gastronômico do Pará e Portugal, por meio do projeto Laços que a Prefeitura de Belém vai realizar, nos dias 7 e 8 de junho. O evento vai reunir chefs de cozinha e convidados especiais como Fafá de Belém e o ator Alexandre Borges.

A programação nestes dois dias conta com um jantar comandado por um chef português e outro paraense, arraial de comidas típicas portuguesas e paraenses, na área do Complexo Feliz Lusitânia, exposições de artes plásticas e audiovisual, e o show da cantora Fafá de Belém com fados.

O projeto Laços dá continuidade às ações do programa Cidades Criativas da Gastronomia, que tem a marca da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Belém foi declarada Cidade Criativa da Gastronomia em 2015, e no ano passado, sediou o Primeiro Encontro das Cidades Criativas da Gastronomia da Unesco, realizado nas Américas.

Por Karla Pereira

Mais Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *